Question Mark Records, catálogo atualizado.

janeiro 4, 2011

Por volta de 1997 depois de trocar cds, K7`s e zines atraves do correio com amigos, surgiu a idéia, (inspirada na atividade de pequenos selos independentes como a Krakatoa do Plato, a Midsummer Madness no RJ, a Invísivel do Fábio Golfetti, entre outros) de montar uma compilação de bandas independentes que estavam tocando pelo país naquele momento.

Notei por acaso, que boa parte dos grupos que eu havia conseguido material tinham registrado um cover como referência em seus trabalhos. Na maioria regravações de bandas dos anos sessenta, cheguei então a conclusão de fazer uma pequena compilação em K7 só com releituras dos sixties.

O repertório da fita batizada de “Francis Picabia” trazia bandas recriando faixas clássicas cada qual da sua maneira. Algumas delas estão em plena atividade como o “Violeta de Outono” que regravou “Astronomy Domine” do Pink Floyd, “Os Gasolines” com “He’s Waiting” dos Sonics, ou o “Jupiter Maçã” tocando ao vivo do Garagem Hemética em Porto Alegre a faixa “Being for the Benefit of Mr.Kite” dos Beatles .

Grupos que já encerraram suas atividades também contribuiram crucialmente com a coletânea como “Os Argonautas” do RS com uma versão surf-music de “Tomorrow Never Knows”, o “Dirty Darling” de São Paulo com uma incrível versão de “Cool it Down” do Velvet Underground, ou o “The Ultimates” tocando o clássico garageiro “No Escape” dos Seeds. Na ocasião consegui alguns exemplares de um quadrinho chamado “Ms.Tree 3-D” que junto com o K7 formou um kit muito bacana.

Para distribuir a fita achei importante inventar um pequeno selo de lançamento (“peguei emprestado” parte do nome da banda “Question Mark and Mysterians”) e foi desde então que passei a utilizar o nome Question Mark Records para distribuir discos oficiais e lançar alguns títulos caseiros em Cdr, fita ou vídeo.

O catálogo atual na internet mantém o objetivo de sempre, que é o de divulgar e organizar alguns discos lançados ao longo dos anos desde da fitinha em 1997, todos os títulos (os mais antigos e também os novos) foram resenhados e apresentam o “track list” para identificar o repertório de cada item. Para conferir é só clicar no endereço:
http://www.questionmark.zip.net

Por Sandro Garcia

Anúncios

2 Respostas to “Question Mark Records, catálogo atualizado.”

  1. Lipa Says:

    Fala Sandro! demais este seu blog, gostei muito das matérias. Não deixe de autualizar e informar os interessados.

    Forte Abraço – Lipa – Circo Circuito.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: